PRIMAVERA DOS LIVROS 2014

Por | 14/04/2014 | Sem Comentários

Entre os dias 10 e 13 de abril ocorreu a Primavera dos Livros 2014 organizada pela LIBRE (Liga Brasileira de Editoras), sendo uma rede só de editoras independentes de vários lugares do Brasil que abrangem romances, contos, poesias, religiosos, hq’s, etc.

Pela primeira vez o evento aconteceu na Praça Dom José Gaspar ao lado da Biblioteca Mário de Andrade, no bairro do Anhagabaú – centro de São Paulo, que no seu primeiro dia contou com a Assinatura do protocolo do Plano Municipal do Livro, Leitura e Biblioteca (PMLLLB), e a exibição do documentário O dia que durou 21 anos, sobre os 50 anos do Golpe.

23

No segundo dia (sexta-feira), destaque para a mesa em homenagem ao rapper Sabotage e os lançamentos de Vampirola e Vampiresca, vamps levadas da breca – editora Dedo de Prosa (Regina Sormani e ilustração de Cris Eich), Eclipse da Lua Azul – editora Solisluna (Débora Knittel e Erica Falcão) e Angu de Sangue – editora Livro Falante (Marcelinho Freire). Este que foi o dia que contou com mais público.

A parte da manhã do terceiro dia ficou por conta de Conto em Cantos cantarolando histórias latinas e histórias para bebês, a participação do Coral da USP e o do Saco de Gatos. À partir do final da tarde o evento foi obrigado a encerrar antes do previsto devido a forte chuva.

22

Em toda a duração da Primavera dos Livros houveram manifestações artísticas comprovando a bibliodiversividade proposta pela LIBRE, seja em lançamentos, sarais, músicas dentro ou fora da biblioteca, sendo assim chamando mais atenção do pessoas que passavam na rua.

Dentre os 50 expositores que o espaço abrigou estava a Editora Pátua, LiteraRua, Peirópolis, Editora Draco, Balão Editorial, Sundermann entre outros. O tema central do evento foi a ditadura, que além do documentário que teve a exibição gratuita, também foi promovido debates e mesas redondas com Joana Monteleone, Marcelo Godoy, Álvaro Bianchi e Adriano Diogo (Deputado Estadual/Comissão da Verdade do Estado de São Paulo “Rubens Paiva”).

04

Para aqueles que estiverem começando como autor, ilustrador e afins, e quiserem enviar seus trabalhos para serem avaliados com a possibilidade de serem publicados, é só entrar no site da LIBRE e pesquisar sobre as editoras que são afiliadas e que tenha o perfil de seu trabalho. E para quem perdeu a chance das promoções, tenha curiosidade ou intenção de adquirir algo, dias 25,26 e 27 de abril acontecerá a 2° Feira de Literatura com 50% de desconto do CCJ, mas não tem nenhuma relação com a da Primavera dos Livros, contando com a presença tanto de editoras já consagradas quanto independentes. Economizem um pouco nas figurinhas e compareçam.