O HOMEM DUPLICADO

Por | 23/04/2014 | Sem Comentários

Suspense baseado no livro O Homem Duplicado de José Saramago, o que levou a tradução de Enemy – nome original do filme.

Adam Bell (Jack Gyllenhaal) é um professor de História com perfil melancólico sem muitas surpresas em sua rotina, indo do trabalho para casa e vice-versa. Mantém um relacionamento com Mary (Mélanie Laurent) á base de sexo e pouca conversa.

05

Jack Gyllenhaal e Mélanie Laurent

Talvez para não se alienar ou fazer parte de algum padrão ditatorial, não possui TV nem gosta de ir ao cinema. Porém um dia resolve alugar um filme (Onde Há Vontade Há Caminho) que outro professor havia comentado.

Quando está assistindo o filme em seu notebook, observa que um dos atores coadjuvantes se parece muito com ele e após uma busca na internet descobre que o nome dele é Anthony St. Claire, mas que usa o pseudônimo de Daniel St. Claire. Esse possui a idade, altura, peso,cor dos olhos iguais aos seus, sendo mais idênticos se fossem irmãos gêmeos… Ou são?

01

Para sanar mais suas dúvidas, aluga mais dois filmes em que o ator aparece (Me Ligue Mais Tarde e Passageiro Sem Bilhete). Transtornado com isso, Adam entra em contato com Anthony e depois de algumas recusas os dois se encontram e qualquer desconfiança que o espectador tinha sobre talvez serem a mesma pessoa é excluída quando conversam frente a frente… Ou não?

Ficamos curiosos e procurando respostas surreais sob a perspectiva de Adam até nos ser apresentado Anthony, que é totalmente oposto e é casado com Helen Bell (Sarah Gadon) em um relacionamento conturbado – sim, ela tem o mesmo sobrenome de Adam e está grávida de seis meses.

Sarah Gadon

Sarah Gadon

Essa é a trama que o diretor com muita sensibilidade deixa o suspense por conta do roteiro sem forçar uma edição tendenciosa, com exceção de dois momentos em que achei desnecessário o exagero na trilha sonora para causar mais tensão.

Gyllenhaal parece estar voltando a escolher bons papéis em roteiros bem escritos, não considero essa uma história confusa e sim uma proposta original com inúmeras interpretações sobre seu desfecho. Talvez quem tiver lido o livro tenha mais informações para chegar em alguma teoria – eu ainda não tenho certeza sobre o final.

 

Ano: 2013

Roteiro: Javier Gullón

Direção: Denis Villeneuve