GOLDEN BOY

Por | 04/02/2014 | Sem Comentários

Oe Kintaro, vinte e cinco anos, largou a faculdade de direito porque dominou todo o currículo escolar muito cedo, desde então tem mudado de trabalho inúmeras vezes, um desocupado que sobrevive de alguns “bicos” em setores variados aprendendo sobre a vida.

Sempre se locomovendo com sua bicicleta nomeada por ele Lua Crescente no quarto capítulo quando aposta corrida contra uma moto, que é pilotada por uma mulher que acaba se apaixonando por ele, inclusive isso acontece em todos os episódios, cada um com uma mulher diferente.

15

Estudar! Estuda! Estudar! Esse é o lema de Oe Kintaro, que nunca fica por muito tempo no mesmo lugar permanecendo apenas até absorver tudo que pode sobre a profissão para depois seguir pra o próximo emprego e assim por diante. Tem uma facilidade acima do normal em aprender e aplicar na prática tais conhecimentos, apesar da aparência de baka (idiota). Sempre registrando tudo em seu diário pessoal (essas anotações são hilárias).

Possui uma fixação pelas privadas dos locais onde trabalha, imaginando que ali se senta suas pretendentes, lógico que ele passa por alguns constrangimentos (é bizarro, e isso é bom)… Sim, ele é tarado.

06

Golden Boy é um anime de 1995 eu particularmente prefiro o traço dessa época onde era mais sujo, exagerado em alguns pontos. Comparando com os de hoje em dia que os traços parecem ser todos iguais, sem graça e infantilizados, sem contar que talvez seriam censuradas algumas cenas de nudez ou referências de sexo.

12

O autor desse anime, Tatsuya Egawa brinca com ele mesmo e sua equipe de produção quando aparecem no último capítulo usando os verdadeiros nomes de cada um. Eles tem que produzir um filme chamado Golden Girl de sua autoria. Durante os episódios se percebe alguns easter-eggs de outros animes como Akira, Initial D, devem existir outros que não consegui assimilar a referência.

É um dos primeiros e o último que assisti, porque tive que revê-lo para poder escrever, e continua permanecendo na “lista”. É um anime pra assistir sem compromisso, mas muito bem trabalhado dentro do estilo Ecchi e Harem.