AVESSA – FEIRA DE PUBLICAÇÕES INDEPENDENTES

Por | 14/12/2015 | Sem Comentários

O ano está acabando e os eventos encerrando também, mas 13° taí. Esse último fim de semana foi agitado, além de cobrir o show do Satânico Dr. Mao e os Espiões Secretos, compareci na AVESSA, Feira de Publicações Independentes no Sesc Pompéia e não somente para o site, mas também como participante da mesma.

Explico, como já havíamos divulgado, criamos um selo intitulado Teletílica Books e aproveitamos essa feira para fazer um PRÉ-lançamento do livro C.A. Cotidiano Anônimo de autoria do Fabrizio Dsc. O livro ficou à venda na banca da Edições Aéreas, fruto de uma parceria com os fundadores da editora.

Saindo um pouco do marketing descarado, o evento foi bastante válido apesar da chuva ter espantado um provável público maior, mas deu para todos “exporem” seus trabalhos e pagar a cerveja do final do dia. Essa foi a 4ª edição do evento que reúne publicações coletivas e independentes idealizadas por artistas em diferentes linguagens. A programação integrada da Feira foi toda gratuita e contou com pouco mais que 50 expositores.

O evento também disponibilizou alguns minicursos como Pra quem acha que não escreve (Lourenço Mutarelli), Edição de Quadrinhos (Dalton Correa), Fazendo Zine em Plataformas Improváveis. (Bia Bittencourt) entre tantos outros. De oficinas tivemos Caderno Bruto (Com (Coletivo Laranja Azul), Serigrafia Alternativa: Máscara de Papel (Zansky, Edições de Zaster) entre outras.

No primeiro dia do evento, também ocorreu o Pupunha Ink, que é um encontro para quem gosta de desenhar, e que nessa edição especial aconteceu junto da AVESSA. Com quase seis anos de história, o encontro carrega a bandeira do “desenhar é para todos”, e estimula o convívio e a troca, por meio do desenho, entre pessoas de todas as faixas etárias. Também rolou uma intervenção organizada pelo coletivo Poro chamada Anatomia de um livro com desenhos pendurados pelo teto explicando a estrutura e regras para impressão de livros.

Uma coisa bem legal que fizeram foram as “mesas” improvisadas com andaimes de ferro e lonas de plásticos presas nas laterais integrando ao visual original mantido da estrutura antiga da fábrica do prédio desse Sesc. Mesmo aqueles que dividiam a banca com outras pessoas, ainda possuíam dois níveis para expor os trabalhos, ou seja, até mesmo as crianças tinham acesso a algum livro sem ter que ficar esticando o pescoço.

No geral foi um em evento bastante organizado, acessível com bastante variedades devido as escolhas das bancas que fizeram parte trazendo todo tipo de material impresso como colagens, fotografias, sketchbooks, quadrinho, zines, livros de todos os gêneros, bottom, etc. Diferente de outras feiras que abrem inscrições para quem quiser participar, a organização da AVESSA é quem entra em contato convidando os selos/editoras independentes que participam de outros eventos ou estão ganhando algum destaque no ano, ou seja, isso facilita em não ter o trabalho de filtrar os formulários (que geralmente são MUITOS), mas fica mais difícil conseguir espaço para quem estiver começando. Percebi também que muita gente resolveu lançar trabalhos novos mesmo sendo fim de ano, talvez como um “teste”, já que mês que vem tem Feira Plana.

01

02

04

06

07

10

09

08

19